Uma noite de festa no Parque de Exposições de Santa Rita de Ibitipoca, na Zona da Mata mineira, se transformou em uma cena de horror, resultando na trágica morte de um homem. Conforme relatos da polícia, a madrugada desta segunda-feira (29) foi marcada por um violento confronto que culminou na morte da vítima, de 29 anos, com golpes de canivete, pauladas e garrafadas.

A principal suspeita do homicídio é uma travesti de 23 anos, que teria se envolvido em uma série de agressões mútuas com a vítima anteriormente. As tensões entre os dois foram agravadas por ameaças públicas de morte feitas pela suspeita nas redes sociais, segundo informações da PM.




Testemunhas relataram que durante a festa, a vítima e a suspeita se encontraram e dirigiram-se aos banheiros do local, onde a violência teve início. Armada com uma garrafa de vidro, a suspeita atacou o jovem, que retaliou com um canivete. Em meio à confusão, um terceiro indivíduo, de 18 anos, interveio, desferindo pauladas na cabeça da vítima já caída.

Enquanto o homem estava desacordado, a suspeita continuou o ataque, desferindo vários golpes de canivete.




O momento brutal foi capturado pelas câmeras de segurança do local, fornecendo provas cruciais para a investigação policial.

Após o caso, a suspeita foi encontrada ferida e foi encaminhada para o hospital sob custódia policial, enquanto o terceiro envolvido, de 18 anos, fugiu, sendo posteriormente encontrado em uma casa abandonada.




O canivete utilizado no crime foi recuperado por moradores locais e entregue à Delegacia para as devidas investigações.

O motivo exato que desencadeou a briga ainda não foi esclarecido pelas autoridades.