Foto: PJF




Seguindo com o trabalho diário de combate ao mosquito Aedes aegypti, a Prefeitura de Juiz de Fora (PJF), por meio dos Agentes de Combate a Endemias (ACE), realiza, na próxima semana, dos dias 22 à 26 de abril, rotas de visitas e vistorias a residências e lotes em diversos bairros espalhados pelo município. As atividades já acontecem semanalmente, conforme cronograma definido pela Subsecretaria de Vigilância em Saúde (SSVS), da Secretaria de Saúde (SS).

A PJF solicita o apoio dos moradores na abertura de suas residências para que os profissionais possam realizar o trabalho de tratamento focal. É importante que os moradores fiquem atentos às orientações dos agentes e os recebam, visto que a maioria dos focos estão dentro das casas. Todos os servidores estarão identificados e uniformizados.




No decorrer da visita, sempre acompanhado pelo responsável do imóvel, o ACE deve orientar e avaliar as situações de risco, remanejando e/ou eliminando os recipientes que possam acumular água e/ou que não tenham utilidade. O agente deverá tratar corretamente com larvicida aqueles recipientes que não puderem ser eliminados. As visitas são feitas na parte externa e interna das residências.

Para ajudar nos trabalhos, a PJF deixa algumas dicas: sempre verifique os ralos e cisterna, bromélias, plantas aquáticas e troncos de árvores no jardim. Retire os pratinhos das plantas, tampe os tambores com água de chuva. Verifique também os banheiros em desuso, as caixas d’água e inspecione o quintal. Descarte o seu lixo corretamente. Mantenha a piscina sempre tratada, mesmo se estiver em desuso.




Rota dos agentes na próxima semana (22/04 a 26/04)

  • Nordeste
  • Bom Clima
  • Sul
  • Jardim de Alá
  • Norte
  • Araújo
  • Nova Era
  • Francisco Bernardino
  • Oeste
  • Tupã
  • Santos Dumont
  • Central
  • Centro
  • Granbery
  • Região Sudeste
  • Retiro

Ferramenta de denúncias

Além de participar ativamente na prevenção contra as arboviroses, a população pode ajudar com denúncias anônimas sobre focos do Aedes aegypti em Juiz de Fora e região. O sistema tem como finalidade mapear as informações das doenças causadas pelo mosquito: dengue, zika, febre amarela e chikungunya.

O JF Contra o Aedes pode ser acessado em qualquer navegador. Ele roda em todas as plataformas: smartphones, tablets, notebooks e computadores. É um sistema em que as pessoas podem realizar denúncias de locais de criadouros do mosquito.




A população também pode auxiliar no combate por meio de denúncias de possíveis focos, através do WhatsApp, pelo número (32) 98432-4608, ou pelo e-mail dengue@pjf.mg.gov.br. Denúncias também podem ser feitas em qualquer um dos 11 postos do Departamento de Informação Geral e Atendimento (Diga) espalhados pelo município.