Foto: Ilustrativa




O governo federal está pronto para implementar um aumento de 4,5% nos preços dos medicamentos até o final deste mês. A projeção desse reajuste, feita pela indústria farmacêutica, aguarda oficialização pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (Cmed) ainda nesta semana.

Normalmente divulgado no último dia útil de março, o anúncio pode ser adiado até quinta-feira (28) devido ao feriado da Semana Santa. Espera-se que o aumento entre em vigor a partir de 1º de abril.




Esse ajuste, anual, é calculado com base na inflação do período, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).