Foto: Cesama




A prefeita Margarida Salomão sancionou na tarde desta quinta-feira, 20, o projeto de lei que cria o Parque Municipal da Represa São Pedro. “Nós estamos muito felizes em iniciar a viabilização do Parque São Pedro, que se junta ao Poço Dantas, com o Parque Municipal, com o Parque Mariano Procópio, o Jardim Botânico e o Parque da Lajinha. Não são muitas as cidades que possuem áreas tão lindas dentro do espaço urbano. Juiz de Fora tem uma tradição de preservação e seria imperdoável que nós não nos empenhássemos para que essa área se transformasse em um parque municipal”, destacou Margarida.

Na contrapartida do projeto, o Município está disponibilizando áreas ao particular, que passará ao Município a Área no Entorno da Represa São Pedro. Para isso, foi assinado um documento que permite a permuta entre a Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) e a Sociedade Empresária Flor de Liz Imóveis LTDA, para a construção do Parque. 




Projeto prevê criação de nova creche e outras melhorias:

Como parte da transação, a Sociedade Empresária Flor de Liz Imóveis LTDA também construirá uma nova creche de 600m² no entorno do bairro São Pedro, além de reflorestar todo o horto, exceto os 5.000m² que foram o objeto da permuta, a recolocação do Ecoponto no bairro Linhares entre outras melhorias. “É importante mencionar estes aspectos da transação para que a cidade fique sabendo e testemunhe que estamos realizando um grande negócio para Juiz de Fora” ressaltou a prefeita.

O vereador Nilton Militão, primeiro vice-presidente da Câmara Municipal, ressaltou o papel da gestão da PJF em dar continuidade às obras paradas. “O governo Margarida possui a marca de retomar o andamento de obras históricas. Essa é mais uma obra para o São Pedro, mas que só estava na história. A senhora, prefeita, desenterrou essa obra e fez com que ela se tornasse realidade”.




O vereador Juraci Scheffer destacou os benefícios que o novo parque trará para a área da Cidade Alta. “Este parque é um sonho que temos há muitos anos e agora se torna um grande presente para Juiz de Fora. É um local bucólico e preservado, um local em que as famílias de Juiz de Fora poderão visitar frequentemente. Queria parabenizar a todos que estiveram envolvidos com o projeto e parabenizar a senhora, prefeita, pela determinação, coragem de fazer e pela grande gestora que é”.

A secretária de Fazenda, Fernanda Finotti, lembrou do envolvimento da comunidade no entorno para a viabilização do projeto de lei. “A criação do Parque envolvia a questão ambiental, mas também a comunidade. No espírito deste Governo, de trabalhar com todos esses atores, nós finalmente conseguimos, junto com a votação da Câmara, dar esse primeiro passo. Agora começam as medidas de juntar com a comunidade, juntar com os técnicos. O trabalho do Município é para todos e todas, isso é o mais importante”.




Rodrigo Mendonça, diretor da Sociedade Empresária Flor de Liz Imóveis, comemorou a criação do Parque para a cidade. “Ficamos muito satisfeitos, muito honrados de participar de um projeto tão importante para a cidade de Juiz de Fora. A qualidade das áreas públicas tem uma relação direta com a qualidade de vida do cidadão. O esforço que a Prefeitura tem feito para qualificar as áreas comuns do nosso município tem sido muito relevante e tenho certeza que o impacto será muito positivo em um curtíssimo prazo. O parque São Pedro é um belo presente para a cidade de Juiz de Fora”.

A área do entorno da represa em que a PJF toma posse compreende 736.191,30 m² e está localizada à margem esquerda da antiga estrada Juiz de Fora-Torreões. Já as cedidas por parte do Executivo são quatro áreas compreendidas entre a Avenida Prefeito Mello Reis, a Rua Diva Garcia e o loteamento Estrela Alta.