No domingo (16), uma trágica descoberta abalou o distrito de Colônia Rodrigo Silva, em Barbacena. Uma jovem de 26 anos foi encontrada sem vida em um campo de futebol local, apresentando sinais de violência.

Conforme informações do Boletim de Ocorrência (BO), a vítima estava com fios amarrados ao redor dos braços, um cinto em volta do pescoço e o rosto desfigurado. Diante da cena chocante, a suspeita de um crime violento se intensificou.




O namorado da jovem, um homem de 27 anos, foi detido pelas autoridades como principal suspeito do crime. Durante o interrogatório, ele alegou que a mulher havia sido atacada por um cachorro, tentando desviar a responsabilidade sobre a morte.

Os detalhes da ocorrência, de acordo com o registro policial, revelam que o casal esteve em uma festa na madrugada de sábado (15), onde ingeriram bebidas alcoólicas. Após uma discussão, decidiram ir para a residência do namorado, continuando a briga dentro do carro e posteriormente na casa.




Segundo o relato do suspeito, a discussão persistiu, levando-o a tomar a decisão de se dirigir à casa de uma amiga para buscar refúgio. Foi na manhã de domingo que o pai do rapaz encontrou o corpo da jovem no campo de futebol próximo à residência.

Com base nas circunstâncias e nas lesões apresentadas pelo corpo da vítima, as autoridades não consideraram a versão do ataque pelo cachorro como plausível, resultando na prisão do homem como suspeito do crime. Agora, o caso será investigado pela Polícia Civil com o objetivo de esclarecer os fatos e buscar a justiça para a jovem falecida.