O Consórcio Via JF, responsável pelo transporte público de Juiz de Fora, lançou uma campanha de conscientização e combate à importunação sexual no transporte coletivo. Com o tema “O ônibus é coletivo, meu corpo não”, a iniciativa visa promover um ambiente seguro e respeitoso para todos os passageiros, buscando conscientizar e combater esse problema alarmante.

A campanha, que teve início no dia 1º de junho, envolve diversas ações educativas e informativas nas redes sociais ao longo do mês. Além disso, serão colocados adesivos nos ônibus com mensagens de conscientização, haverá blitz de orientação no trânsito e serão realizados treinamentos com os colaboradores do Consórcio. A campanha também contará com a veiculação de anúncios na TV.




Vários coletivos que operam na cidade estão adesivados sobre o tema.

A importunação sexual é caracterizada pela prática de ações de natureza sexual sem o consentimento da pessoa presente, com o objetivo de obter prazer para si ou para outra pessoa. É uma conduta inaceitável que viola a intimidade e o respeito dos indivíduos.

Em caso de ocorrência, é fundamental que a vítima relate e denuncie. A Polícia Militar deve ser acionada pelo telefone 190. Para as mulheres, também está disponível a Central de Atendimento à Mulher, no número 180, que registra e encaminha as denúncias aos órgãos competentes.




O Consórcio Via JF também está comprometido em capacitar e orientar os motoristas e cobradores sobre os procedimentos a serem adotados em casos de crimes ocorridos dentro dos ônibus. A segurança e o bem-estar dos passageiros são prioridades para a empresa.

É de extrema importância que toda a sociedade se una no combate à importunação sexual no transporte público. Juntos, podemos criar um ambiente onde esse tipo de violência seja erradicado, garantindo a segurança e o respeito de todos os passageiros. O Consórcio Via JF reforça seu compromisso em oferecer um transporte público seguro para a população de Juiz de Fora.