O Consórcio Via JF, composto pelas empresas Ansal e Viação São Francisco, tem investido na capacitação e promoção de seus cobradores. Mais de 300 profissionais já foram qualificados e aproximadamente 100 foram promovidos para oportunidades nas empresas do consórcio, incluindo setores administrativos, almoxarifado, manutenção, manobra e motorista.

Além disso, o Consórcio está realizando um processo interno de financiamento para a obtenção da CNH D, possibilitando que cobradores que já possuem a CNH B possam atuar como motoristas.




As capacitações dos profissionais são realizadas nas garagens das empresas e em parceria com o Sest Senat, que tem apoiado o Consórcio nesse projeto de qualificação e promoção.

Consórcio Via JF realiza reunião com os cobradores de ônibus:

Na tarde desta quarta-feira, dia 17 de maio, o Consórcio Via JF realizou uma reunião com os cobradores do transporte coletivo, buscando tratar dos assuntos relacionados aos postos de trabalho. O encontro ocorreu após a paralisação ocorrida no dia anterior, terça-feira, dia 16 de maio.




Rafael Santana, diretor da Ansal, iniciou a reunião destacando a importância do diálogo entre os colaboradores e a empresa, enfatizando a necessidade de evitar a propagação de informações falsas, o que acaba gerando transtornos e inseguranças desnecessárias tanto para os colaboradores quanto para a população.

Durante a reunião, foi reafirmado o compromisso já firmado de não realizar demissões em massa. Também foi ressaltado que o Consórcio continua oferecendo qualificações para a categoria, por meio de treinamentos em parceria com o SEST/SENAT, tanto para a formação de motoristas quanto para outras funções administrativas, dependendo do interesse de cada um. Além disso, o Consórcio disponibiliza um programa interno de financiamento da CNH D para os cobradores que já possuem a CNH B.




“Fica garantido que os postos de trabalho estão 100% assegurados, e poderá ser assinado um acordo com o sindicato profissional a esse respeito, prevendo a manutenção dos empregos dos trabalhadores”, afirma Rafael.

Durante a reunião, os trabalhadores tiveram a oportunidade de esclarecer dúvidas, dar sugestões de melhorias nos processos e obter uma compreensão mais clara sobre a transição que está sendo realizada pela empresa, que coloca a categoria como prioridade em todas as ações desde o seu início. O encontro foi encerrado com um saldo positivo em relação aos esclarecimentos que foram prestados.




Uma nova reunião está agendada para hoje, dia 18 de maio, às 9h, para tratar dos mesmos assuntos com os colaboradores que não puderam comparecer no encontro de ontem.