A Secretaria de Saúde (SS) da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) informa que até o presente momento não foi notificada pela equipe do SAMU sobre a causa do falecimento de um jovem de 11 anos na última quarta-feira, segundo ocorrência policial.

Entretanto, após apuração interna junto à UBS responsável, foi constatado que o jovem esteve presente na unidade na terça-feira, 08/02, acompanhado da avó, com queixa de tosse, febre, cefaléia, dor de garganta e fadiga. Os sintomas apareceram, de acordo com a avó, pela primeira vez, no dia 05/02.

Na UBS, foi realizado exame médico, em que todos os sinais vitais apresentaram normalidade: frequência cardíaca 108 batimentos por minuto; saturação de oxigênio a 99% e pressão arterial dentro do padrão normal. Como praxe para casos como esse, também foi realizado um teste rápido antígeno com resultado reagente para Sars-CoV-2.

O garoto passou por avaliação médica, e dentro do protocolo de atendimento, foram prescritos medicamentos recomendados para combater os sintomas da Covid-19 (Azitromicina 600 mg + dipirona gota + prednisolona 3 mg + soro fisiológico nasal). Foi recomendado pelo médico o afastamento das atividades escolares.

O jovem não possui histórico de comorbidades e estava com o cartão de vacinação em dia. Ele foi vacinado com a D1 de Pfizer Pediátrica em 21/01/2022.

A avó da criança também também passou por consulta médica no mesmo dia, porém sem queixa de síndrome gripal.

A Secretaria de Saúde reforça que todos os protocolos e procedimentos médicos foram seguidos rigorosamente e acompanha de perto a situação da família.