No dia 08ago21 por volta das 15h01min, a Polícia Militar foi acionada via COPOM a comparecer na
Rua Redentor no bairro Paineiras.

Segundo denúncias havia uma pessoa gritando por socorro do interior de uma residência. No local, ao perceber a presença policial, a vítima, uma mulher de 31
anos, saiu correndo e em contato com os policiais narrou que estava sendo mantida presa com o
seu filho de 01 ano e oito meses de idade há três semanas.

Relatou ainda que foi agredida várias vezes pelo autor, seu companheiro, um homem de 23 anos, apresentando hematomas pelo corpo.

A vítima disse que sofria ameaças de morte constantes, caso terminasse o relacionamento, motivo
pelo qual não havia tomado providências anteriores. O autor, que estava com o filho no colo, ao visualizar a Polícia Militar tentou empreender fuga, mas foi preso em flagrante delito. As vítimas foram conduzidas ao Hospital de Pronto Socorro (HPS), onde foram medicadas.

O autor foi conduzido à Delegacia.