Criado no último dia 15 de julho, por meio da lei municipal 14.209, o Comitê Gestor do Sistema de Transporte Coletivo Urbano foi aberto oficialmente pela prefeita Margarida Salomão nesta quinta-feira, 22, durante encontro realizado no prédio-sede da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF). O dispositivo é mais um resultado da Mesa de Diálogo e Mediação de Conflitos, criada para remodelar todo o sistema de transporte coletivo da cidade e concluída no final do mês de junho.

“Declaro instaurado o comitê gestor, que é uma medida inovadora e inédita. É uma proposta corajosa e contemporânea que estamos implantando no Município para assegurar o direito do cidadão ao transporte coletivo, o que implica em garantir a saúde financeira do sistema e o emprego e o direito de todos os trabalhadores”, ressaltou a prefeita no seu discurso de abertura dos trabalhos. Em seguida, Margarida empossou o secretário de Mobilidade Urbana, Fernando Tadeu David, como presidente do comitê e responsável pela condução dos diálogos. “Queremos manter um debate franco, aberto e transparente para que possamos chegar ao resultado final, que é a melhoria do transporte público da cidade”, declarou o secretário.

Após a abertura da reunião, foi estabelecido o cronograma de encontros e as primeiras pautas a serem trabalhadas. O próximo ficou agendado para o dia 2 de agosto, às 16 horas. O Comitê Gestor do Sistema de Transporte Coletivo Urbano têm como função fiscalizar a boa prestação do serviço de transporte coletivo urbano e a arrecadação das tarifas públicas, além de gerir atividades inerentes ao custeio e investimentos necessários à prestação do serviço no Município. Sua constituição conta com representantes de cada uma das seguintes secretarias: Mobilidade Urbana (SMU), Governo (SG), Participação Popular e Planejamento Territorial e Orçamentário (SEPPOP) e Fazenda (SF); além de um representante de cada consórcio de empresas de transporte coletivo; um dos trabalhadores rodoviários indicado pelo Sindicato da categoria; e um representante dos usuários, que ainda será designado pelo Conselho Municipal de Transporte.