Com o objetivo de garantir o cumprimento da deliberação estadual que estabeleceu lockdown em Minas Gerais, a equipe de Fiscalização da Prefeitura Municipal de Juiz de Fora (PJF) atuou em pontos estratégicos da cidade com práticas de prevenção e orientação contra a Covid-19. Entre sábado, 20, e domingo, 21, foram fiscalizados 98 estabelecimentos. Foram emitidas três notificações e seis autos de infração.

Nas imediações da Avenida Brasil, entre as Ruas Benjamim Constant e Halfeld, a esquina da Avenida Getúlio Vargas, com a Rua Floriano Peixoto (em frente ao supermercado) e a passagem de nível da Rua Halfeld, da linha férrea, próxima à Praça da Estação, agentes da Guarda Municipal, da Secretaria de Mobilidade Urbana e da Polícia Militar, atuaram coibindo a montagem de barracas, visando à manutenção das condições de livre trânsito de pedestres nestes locais, evitando a aglomeração de vendedores. No domingo, a equipe atuou de forma preventiva ocupando a Avenida Brasil.

Durante o final de semana, a Guarda Municipal realizou operações no Mirante da BR-040 e nas praças da região central, com abordagem focando na importância de evitar a concentração de pessoas nos pontos turísticos e orientando quanto às normas do decreto 14.400. Também foram oferecidas máscaras a quem estava sem o equipamento de uso obrigatório em Juiz de Fora.

Fiscalização pela Vida

A operação “Fiscalização pela Vida” é uma atuação conjunta dos fiscais de posturas da Sesmaur; dos guardas municipais da Secretaria de Segurança Urbana e Cidadania (Sesuc); dos agentes de transporte e trânsito da SMU, do Procon e da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG). A ação é coordenada pela secretária de Governo, Cidinha Louzada.