A prefeita de Juiz de Fora, Margarida Salomão, assinou, nesta terça-feira, dia 2, um documento de manifestação de interesse em protocolo de intenções da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) para a aquisição de vacinas contra a Covid-19. Os municípios que compõem a FNP têm até esta sexta-feira, 5, para efetivar a assinatura.

A Comissão de Vacinas da Frente Nacional de Prefeitos debate sobre a possibilidade do consórcio de compra de imunizantes para os municípios. Atualmente, há dez vacinas aprovadas e mais de 230 em fase de testes. Com apoio de todos os participantes, a entidade vai pactuar, com governantes das médias e grandes cidades, o início e o cronograma da construção do consórcio.

A autorização do Supremo Tribunal Federal (STF) para que estados e municípios possam comprar a vacina é válida quando houver descumprimento do Programa Nacional de Imunizações (PNI) por parte do Ministério da Saúde (MS). Além disso, para a compra, o imunizante deve estar aprovado pela Anvisa. O objetivo é ampliar o número de vacinados no país, sem interesse de competição com Ministério da Saúde e governos estaduais, agregando esforços para salvar o maior número possível de vidas.