Neste mês de Janeiro muitos consumidores procuraram nossa equipe dizendo notar um aumento expressivo na conta de luz da CEMIG em Juiz de Fora. Janice moradora do bairro Barão do Retiro afirmou. ” Minha conta mês passado veio R$125,00 e este mês R$230, isto é um absurdo principalmente em Janeiro quando temos que pagar IPTU e IPVA, isso porque disseram que a conta ficaria mais barata este mês.”

Ao explicar o caso da energia elétrica, Campos Neto e o diretor de Política Econômica do BC, Fabio Kanczuk, disseram que o cenário traçado para os preços de serviços administrados incorpora uma projeção da bandeira vermelha nas faturas de energia até dezembro de 2021, ou seja, que haverá cobrança adicional na conta de luz.

As faturas de energia elétrica este mês na região seguem com bandeira vermelha, onde é cobrado um valor a mais na tarifa de energia elétrica do consumidor.

A ANEEL anunciou no final de 2020 que a conta de luz em Janeiro viria com um valor menor, devido a bandeira amarela, porem nenhum consumidor afirmou ter visto a bandeira em sua fatura, e sim a mais cara “vermelha”.

Segundo a Aneel, a mudança decorre do restabelecimento do cenário de produção elétrica, tendo em vista o aumento das vazões dos afluentes dos principais reservatórios. Quando chove menos nas regiões dos afluentes e reservatórios, por exemplo, o quadro piora e a bandeira pode ser alterada. Hoje, o sistema de bandeiras envolve a escala de verde, amarela e vermelha, esta última com os patamares 1 e 2.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui