No inicio deste final de semana, cerca de 15 ônibus foram levados da empresa GIL para um deposito no Distrito Industrial de Juiz de Fora, a informação inicial é de que os veículos levados foram devido falta de pagamento entre a empresa e o banco responsável pelo financiamento da renovação de frota de 2016.

Apenas os ônibus sobre chassi Volkswagen/Man entregues na empresa no final de 2016 foram levados, não sendo levados todos veículos entregues este ano.

A empresa já se mostra estar sem condições de operar no sistema de transporte urbano a meses, com inúmeras reclamações de seus usuários, além de greves recorrentes dos rodoviários da empresa.

O SINTTRO recomendou a Prefeitura de Juiz de Fora repassar as linhas da empresa para as demais empresas da cidade, e segundo a SETTRA uma alternativa para a empresa está sendo estudada.

A ASTRANSP disse não comentar assuntos internos das empresas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui