A Secretária de Transporte e Trânsito (SETTRA), afirmou que a empresa Goretti Irmãos (GIL), que opera parte do Transporte urbano de Juiz de Fora não entregou os documentos de regularidade ao município e que a prefeitura iniciou o processo de caducidade do contrato da empresa.

No dia 15 de Julho foi enviado um ofício para todas as empresas que operam o transporte urbano de Juiz de Fora, solicitando a apresentação dos documentos exigidos no inciso XI da clausura 55 do contrato de concessão ate o dia 30 de Julho. Este envio de documentos foi combinado entre Prefeitura e Câmara Municipal no dia 24 de Julho com o fim de comprovar a regularidade das empresas com o município.

A documentação Municipal não foi apresentada pela empresa Goretti Irmãos. Desta forma o Processo Administrativo aberto pela SETTRA para averiguar e eventualmente declarar a caducidade do contrato com o Consórcio Manchester está sendo encaminhado para análise da Assessoria Jurídica Local.”

O processo de caducidade acontece quando algum item do contrato não é cumprido tornando-se uma falta grave podendo provocar a quebra do contrato entre as partes envolvidas.

Além da falta de regularidade junto ao município, a empresa acumula uma série de problemas trabalhistas, além de muitas reclamações de falta de ônibus nas linhas atendidas.

Paralisações como forma de protesto foram feitas, em julho devido atrasos em pagamentos pela Goretti Irmãos Ltda (Gil), com adesão de trabalhadores de outras empresas com o envolvimento da justiça pedindo a manutenção de uma frota mínima nas ruas.

Tentamos inúmeros contatos com a empresa citada, mas não tivemos uma resposta até o fechamento desta materia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui