A equipe de monitoramento da onça pintada que foi capturada no Jardim Botânico da UFJF, está sem receber informações ou sinais do colar colocado no felino

O animal foi capturado 13 de Maio de 2019 e levado para uma área de Mata Atlântica, que não teve a localização divulgada.

De acordo com a UFJF, profissionais buscam sinais do colar, que parou de transmitir o posicionamento do felino na nova área floresta. Após a captura da onça, o colar foi posto no animal

Conforme a equipe, é usual relatos de falhas na transmissão, uma vez que há barreiras naturais, exposição ao sol e interação com água e entre os próprios felinos. Segundo a UFJF, quando os dados forem recuperados, serão divulgadas novas informações.

Fonte: G1 zona da mata

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui