A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) recebeu nesta quinta-feira (06/02) representantes da empresa aérea espanhola Air Nostrum para o início de suas operações domésticas no Brasil. Após autorizada, a companhia deve adotar outro nome e operar em rotas regionais a partir do segundo semestre de 2020. A aprovação de até 100% de capital estrangeiro em empresas que operam voos domésticos foi permitida a partir de 2019, com a publicação da Lei nº 13.842/19, que retira limites de investimentos estrangeiros em empresas aéreas que querem operar no país.

Mercado internacional

Nos últimos dois anos, novas empresas aéreas entraram no mercado brasileiro. As empresas Norwegian, Sky Airlines, Flybondi e Jetsmart ofertam voos no modelo low cost para países da América Latina e da Europa. Já a Virgin Atlantic, uma das maiores companhias aéreas do Reino Unido, inicia suas operações para Londres a partir de março deste ano. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui