Governo de Minas Gerais, por meio do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER-MG), intensificou as ações de manutenção para restabelecer o tráfego nas rodovias estaduais danificadas pelas chuvas. Ao todo, foram contabilizados 111 pontos com restrições em Minas Gerais, principalmente na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) e próximos aos municípios de Ubá, Ponte Nova, Manhumirim e Coronel Fabriciano.   

As equipes do departamento estão distribuídas nas diversas localidades do estado, trabalhando para manter a sinalização nos trechos e garantir as condições de tráfego. São operados mais de cem equipamentos para retirar barreiras, limpar pistas, remover árvores, desobstruir passagens e bueiros e construir variantes. Alguns serviços dependem, ainda, da estabilização das condições climáticas, assim como da normalização do nível de rios.

Os custos para recuperação dos trechos atingidos foram estimados em cerca de R$ 75 milhões (valores atuais), conforme levantamento encaminhado à Coordenadoria de Defesa Civil de Minas Gerais (Cedec)

“Neste primeiro momento, intensificamos a atuação para garantir a trafegabilidade das vias e a recuperação emergencial de pontos em rodovias, pontes avariadas e acessos que foram fechados. É importante ressaltar que obras mais estruturais só podem ser feitas após o período chuvoso”, explica Frade.

Um exemplo de intervenção feita pelo DER é o trecho não pavimentado da rodovia MG-458, no km 31, entre Conselheiro Pena e o distrito de Cuieté Velho, no Vale do Rio Doce, que teve interrupção total devido ao rompimento de pista. O local foi recuperado, com a implantação de novo bueiro e recomposição de aterro, o que permitiu o restabelecimento do tráfego de carros leves e pesados. A obra foi concluída nesta terça-feira (4/2).

No segmento entre Ervália e Coimbra, nos km 201, 202, e 204, na Zona da Mata, interrompidos em função de rompimento de bueiro e abatimento de aterro, o DER-MG já elaborou projeto e faz, agora, o levantamento dos custos para execução das obras.

Ao todo, são nove trechos com tráfego interrompidos, entre eles a LMG- 737, entre Guimarânia e Cruzeiro da Fortaleza; a MG- 133, próximo a Tabuleiro; e entre Pedra Bonita e a BR-262, onde será necessária a construção de uma nova ponte. O DER constrói, no local, uma variante, que deverá ficar pronta nesta semana e minimizará os impactos para os motoristas. Nestes pontos, o departamento faz a sinalização, além de orientar os motoristas sobre os desvios possíveis.



Serviço ao cidadão

O DER-MG disponibiliza em seu site (www.der.mg.gov.br) informações sobre a situação de todas as rodovias sob sua responsabilidade. Os dados são atualizados diariamente e podem ser acessados pela população, especialmente para quem vai viajar. Outro canal de informação é o telefone 155, opção 6 (a partir de telefonia fixa, em Minas Gerais) ou (31) 3069-6601 (a partir de telefonia fixa ou móvel), diariamente, de 6 às 23h59.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui